MENU
PTEN
Trienal de Arquitectura de Lisboa

Palácio Sinel de Cordes acolhe Future Architecture Collection

A Trienal está a preparar uma exposição que tem como ponto de partida os acervos de diferentes museus europeus para a rentrée cultural de 2020. Viajou até Liubliana para ouvir as 25 propostas de emergentes das mais diversas origens para escolher dois elementos: uma pessoa para assumir a curadoria e outra para desenvolver a cenografia da exposição que visa propor uma reinterpretação das colecções de arquitectura. Assim vai ser a Future Architecture Collection, que inaugura no Outono de 2020 no Palácio Sinel de Cordes, criando uma nova narrativa sobre uma diversidade de conteúdos - fotografias, plantas, maquetas, entrevistas, estudos. O objectivo é criar uma interligação entre os emergentes que responderam ao call da Future Architecture Platform e os seus membros. Os parceiros desta aventura são o Royal Academy of Arts, o Museu de Arquitectura e Design de Liubliana (MAO), o Museu Nacional de Arte e Arquitectura Contemporânea de Roma (MAXXI), a Fundação Calouste Gulbenkian e os Museus de Arquitectura da Estónia e da Breslávia.

Creative Exchange 2020 © Iztoc Dimc


A escolha foi realizada a partir das 25 propostas finalistas convocadas para o Creative Exchange acolhido pelo Museu de Arquitectura e Design da capital eslovena (Liubliana), em resultado do Open Call para projectos que a Future Architecture Platform lançou em Novembro de 2019, que recebeu 433 candidaturas. Foi neste seminário de dois dias (12 e 13 de Fevereiro), que reconvocou os 26 membros desta rede pan-europeia para escolher os participantes para os múltiplos eventos que cada um organiza.


A Trienal de Arquitectura de Lisboa é, desde a sua fundação, membro desta rede internacional de debate e intercâmbio de ideias. De todas as propostas, Sonja Lakić da Bósnia Herzegovina e o co-autor espanhol de Manifesto for unexpected architectures (Diego Sologuren) foram os seleccionados que apresentaram projectos cuja abordagem melhor se adequa à exposição a ser desenvolvida. A primeira, autora da proposta intitulada Apartment Biographies vai ser responsável por comissariar, enquanto que Diego Sologuren fica responsável pelo desenho expositivo.

Sonja Lakic © Iztoc Dimc

A escolha teve por base o critério de diversidade de origens e percursos académicos em arquitectura, a capacidade de gerar narrativas a partir de uma linguagem acessível aberta ao grande público, valorizando-se ainda a paridade de género. As perspectivas que trazem para o mesmo projecto pretendem mostrar que o trabalho que desenvolvem em regiões e áreas de intervenção diferentes se complementa e actua de forma unificadora nesta exposição. Sonja é arquitecta e investigadora, aliando à sua prática a fotografia e o storytelling, numa dimensão de diferentes escalas e áreas. Diego, que apresentou o seu trabalho no Creative Exchange com o artista Brad Downey, faz da sua prática, sediada em Lausana uma intervenção que desafia as construções sociais e limites temporais. Desta forma, a Trienal acredita que esta dupla (Sonja & Diego) vai desenvolver um conteúdo e  umdispositivo expositivo acessível que chega a toda a gente e não só ao público especializado. 

Diego Sologuren © Izto Dimc


Esta equipa começa agora a trabalhar com as instituições membro que se juntaram a este projecto, trabalhando em proximidade com os guardiões destes acervos, que assumem ainda um papel de tutores na orientação do comissariado para o desenvolvimento desta pesquisa e selecção de conteúdos para Future Architecture Collection. No âmbito da sua programação regular da sede da Trienal, um palácio do Século XVIII, vão também desenvolver um programa colateral que reúne especialistas que operam nos mais diversos territórios. Uma das convidadas é a directora do Strelka Institute, Anastassia Smirnova, responsável pelo novo museu do texto, uma experiência imersiva de leitura e contemplação intemporal. Assim, personalidades de diferentes países e instituições reúnem-se para esta exposição que inaugura em Outubro de 2020 em Lisboa, apresentando ao público um evento inédito de acervos de prestigiados museus europeus.