Saltar para o conteúdo principal
Trienal de Arquitectura de Lisboa
Espaço de Leitura da Casa Comum
© Tiago Alves Miranda
© Tiago Alves Miranda
© Tiago Alves Miranda

Casa do Comum

  • Autores Originais:
  • Várias autorias
  • (séc. XIX-XX)

Ocupação prevista: BaixaOcupação prevista: Baixa

O Centro Cultural do Bairro Alto é um sonho antigo de José Pinho, que fundou a livraria Ler Devagar ali perto, na rua de São Boaventura em 1999. Aí funcionou até 2005, quando foi expulsa pelo início da gentrificação e especulação imobiliária. Depois de um período de nomadismo, criou raízes na LX Factory em 2009. José Pinho, uma figura incontornável da vida cultural de Lisboa que morreu em 2023, sempre quis um lugar onde se pudesse viver o ócio, estar e criar em conjunto. O seu sonho ocupa agora um espaço que já teve muitos usos e transformações, o que se sente ao percorrer o interior. Um exemplo da resiliência de certos edifícios ao passar do tempo, bem como da mudança de funções e apropriações – dos híbridos das transições na cidade, na arquitectura, na sociedade e na vida.

Morada
Rua da Rosa, 285
Obter Direcções

Transportes Públicos
Autocarro: 22B, 24E, 28E, 758, 773
Metro: Avenida, Baixa-Chiado, Rato, Restauradores

Tipologia
Comércio e Serviços, Espaços de Lazer

Acessibilidade
Reduzida

Fotografia
Permitido fotografar

Sábado 14h — 20h e Domingo 14h — 19h (Visitas Livres)

Por voluntário
1 por hora
Sábado e Domingo, 18h (em inglês)

Por especialista
Sábado, 15h por Pedro Pinho

Acessíveis
Audiodescrição por voluntariado, durante o horário das visitas
- Marcação: até 10 de Maio para visitas@trienaldelisboa.com

Lotação
12

Favoritos
Animação de Carregamento