Saltar para o conteúdo principal
Trienal de Arquitectura de Lisboa
© Palácio Foz
© Olaya Mourenza Flórez
© Palácio Foz
© Palácio Foz

Palácio Foz

  • Autores Originais:
  • Francisco Xavier Fabri ,
  • José António Gaspar
  • (1858, 1889)

  • Intervenções:
  • Luís Benavente
  • (1944)

Fora do Roteiro Actual

Imponente edifício na configuração da Praça dos Restauradores, a construção do Palácio Foz, ou Palácio Castelo Melhor, teve início em 1777 arrastando-se até 1858, razão que justifica a variedade de estilos arquitectónicos que combina. Embora se reconheça na fachada e na estrutura geral do edifício a sua fundação setecentista, liberta-se da influência barroca subordinando-se ao “novo gosto” italiano. As influências do século XIX resultaram nos ambientes interiores do palácio marcados por uma decoração revivalista. Com o virar do século, o declínio da fortuna do seu então proprietário coloca fim à vida de festas e exuberância do palácio, culminando num monumental leilão que levou à praça todo o seu recheio. Depois disso vários espaços do edifício são arrendados e pelo palácio passam ourives, alfaiates, modistas, fotógrafos, clubes e salas de espectáculo. Chega a ser a legação dos Estados Unidos e, actualmente, nas suas instalações funcionam inúmeros gabinetes, nomeadamente a sede do Turismo de Lisboa. Foi classificado como Imóvel de Interesse Público em 1971.

Morada
Praça dos Restauradores
Obter Direcções

Tipologia
Palácios e Conventos, Equipamentos

Fotografia
Não é permitido fotografar

Favoritos
Animação de Carregamento