Saltar para o conteúdo principal
Trienal de Arquitectura de Lisboa
© Christian Schwarm
© Paulo Catrica
© Paulo Catrica

Teatro Camões

  • Autores Originais:
  • Atelier Risco
  • (1998)

Fora do Roteiro Actual

Projecto realizado para integrar o recinto da Expo’98 na primeira linha da frente de água, tem chapa metálica azul como revestimento exterior do volume do palco. Relaciona-se com o Mar da Palha pelo plano envidraçado da entrada principal, que é composta por três espaços de foyer e duas cafetarias, que usufruem de pé-direito múltiplo. Depois de se projectar uma ampliação do teatro para receber a Orquestra Sinfónica Nacional, o edifício, propriedade da Estamo, Participações Imobiliárias, S.A., foi ocupado pela Companhia Nacional de Bailado. Apesar de não ter sido projectado para esta função, disponibiliza espaços com diferentes características, adequados aos ensaios colectivos diários, espectáculos mais intimistas e também à administração, aos armazéns, às cargas e descargas, e à residência da equipa de costura e adereços. Todos estes espaços são visitados, assim como o auditório com capacidade para 873 pessoas.

Morada
Passeio do Neptuno, Parque das Nações
Obter Direcções

Transportes Públicos
Autocarro: 728
Metro: Oriente

Tipologia
Equipamentos

Acessibilidade
Parcial

Fotografia
Não é permitido fotografar

Favoritos
Animação de Carregamento