MENU
PTEN
Trienal de Arquitectura de Lisboa
Edição
Álbum
The Form of Form
Equipa
André Tavares e Diogo Seixas-Lopes
Website
Informação adicional

Locais: MAAT, Fundação Calouste Gulbenkian, CCB - Garagem Sul, entre outros

FRAC, 2013. Dunkirk, França © Paulo Catrica

Lacaton & Vassal

Carreira

Atelier fundado em Paris, em 1987, por Anne Lacaton e Jean-Philippe Vassal, conta com inúmeros projectos de edifícios comerciais, educacionais, culturais e residenciais. Têm como um dos fios condutores mais fortes do seu trabalho o desejo de reduzir as necessidades ao essencial e criar uma linguagem modesta de arquitectura baseada numa cuidada economia de meios. Quer se trate da conversão célebre do Palais de Tokyo em Paris, ou das suas remodelações de habitação social, Lacaton e Vassal reutilizam inteligentemente as potencialidades do edifício existente, minimizando os recursos através de um design inovador e da apreciação das possibilidades transformadoras de cada situação. Sustentam que noventa por cento do que é necessário para a maioria dos projetos já está disponível no local.
 

Sobre

O Prémio Carreira Trienal de Lisboa Millennium bcp distingue o atelier ou pessoa no activo cujo trabalho e ideias tenham influenciado e continuem a ter um impacto profundo na prática e no pensamento arquitectónico actuais, sem colocar a ênfase no final de uma carreira, mas antes na ousadia da sua prática – acreditamos na prática consistente e de excelência, no trabalho relevante e na sua distinção.

Ao longo das suas edições, a abrangência territorial deste prémio contou com nomeadores e elementos de júri de cinco continentes, assegurando uma pluralidade de vozes e uma diversidade de origens geográficas que lhe têm conferido uma crescente credibilidade.

As figuras premiadas entre 2007 a 2022 representam uma abrangência territorial de três continentes, afirmando a pluralidade da área da arquitectura a nível mundial através de uma perspectiva abrangente tanto do ponto de vista da pluralidade de opiniões, como da diversidade de geografias. Quem vence o Prémio Carreira recebe uma obra de arte original criada por artistas nacionais de renome, o que permite um importante contributo para o reconhecimento e divulgação da excelência da produção artística nacional.

Júri

Andres Lepik
Bijoy Jain
Cecilia Puga
Jorge Figueira
Juan Herreros
Niall Hobhouse

Nomeantes

Ana Jara, Ana Luiza Nobre, André Tavares, Bekim Ramku, Carlotta Darò, Cláudia Taborda, Danica Jovović Prodanović, David Basulto, Emilia Giorgi, Ethel Baraona Pohl, Eva Franch Gilabert, Fernanda Fragateiro, Hege Maria Eriksson, Herbert Wright, João Luís Carrilho da Graça, José Fernando Gonçalves, Josephine Michau, Juan Coll-Barreu, Kaye Geipel, Laurent Stalder, Leonor Cintra Gomes, Lucinda Correia, Markus Bogensberger, Matevž Čelik, Nuno Crespo, Nuno Grande, Pedro Baía, Pedro Bandeira, Pippo Ciorra, Roberto Zancan, Saimir Kristo, Shumi Bose, Valéry Didelon