Saltar para o conteúdo principal
Trienal de Arquitectura de Lisboa
© Infraestruturas de Portugal

Centro de Comando Operacional de Lisboa

  • Autores Originais:
  • Gonçalo Louro & Cláudia Santos
  • (2007)
Fora do Roteiro Actual

Junto à Estação de Braço de Prata, entre a rua e as linhas férreas, este edifício composto por dois corpos acolhe todos os sistemas de comando e controlo da circulação ferroviária da zona centro do país. Reveste-se de características técnicas e funcionais de grande complexidade (nomeadamente na construção espacial da sala de comando). Esta sala de três pisos constitui um dos corpos do edifício e funciona como seu epicentro. Esse corpo gera e articula um segundo, de quatro pisos, por onde é feita a entrada no edifício e onde estão instaladas as restantes áreas de serviço. Esta organização espacial é espelhada para o exterior através do contraste volumétrico destes dois corpos. A opacidade do volume semicilíndrico da sala de comando apresenta saliências horizontais que, durante o dia, permitem a entrada de luz indirecta, configurando plasticamente a atmosfera do espaço interior. À noite, pelo contrário, emanam luz artificial para o exterior, reforçando a estética contemporânea que assume face ao contexto urbano onde se localiza. Em contraponto surge o volume paralelepipédico que, através de lâminas verticais móveis e espelhadas, permite diferentes configurações de ensombramento, potenciando um jogo entre transparência e luz.

Morada
Rua do Vale Formoso, 104
Obter Direcções

Tipologia
Infra-estruturas

Fotografia
Não é permitido fotografar

Favoritos
Animação de Carregamento