Saltar para o conteúdo principal
Trienal de Arquitectura de Lisboa
© Museu da Água – EPAL

Reservatório da Patriarcal

  • Autores Originais:
  • Louis-Charles Mary
  • (1864)

  • Intervenções:
  • Mário Varandas Monteiro
  • (1994)

A majestosa câmara de pedra que compõe o Reservatório da Patriarcal, encontra-se localizada no subsolo da Praça do Príncipe Real. Construído entre 1860 e 1864, este reservatório tornou-se o mais importante na rede de distribuição de água na zona baixa da cidade. De forma octogonal é constituído por 31 pilares de 9,25 metros que suportam os arcos em cantaria que por sua vez sustentam as abóbadas, imprimindo ao espaço um ambiente de grandiosidade. Abastecido pelo Aqueduto das Águas Livres, foi desactivado em 1949. Actualmente dá acesso subterrâneo à Galeria do Loreto, com uma extensão de 410 metros, ligando-o ao Jardim de São Pedro de Alcântara.

Morada
Jardim do Príncipe Real
Obter Direcções

Tipologia
Infra-estruturas

Fotografia
Não é permitido fotografar

Favoritos
Animação de Carregamento